Aquele sobre sentimentos confusos

Não era para ser assim. Era para ser tudo diferente. Não posso me entregar a esse amor impossível.
Porque cai na tentação?
Ainda lembro do seu beijo, e  sinto seu cheiro. Fecho os olhos e vejo seu olhar.
Foram momentos tão bons juntos, seus abraços me confortavam.
No caminho para casa, não conseguia pensar em outra coisa a não ser você.
Fui dormir feliz, pensando se você também pensava em mim.
Começo a imaginar se tudo fosse mais fácil, e que poderíamos ter algo mais sério.

Mas tenho que acordar desse sonho. Acordar e ver que não tem jeito de ficarmos juntos.
Não estou pedindo nada tão complicado. Só queria ter você comigo. Só queria te fazer feliz.
Quero ser feliz. É pedir muito?

Porque é sempre assim? Eu sempre me entrego: E me ferro.

Será que o problema sou eu?
Qual será o meu defeito que assusta tanto? Por que ninguém nunca me diz?

E n f i m

O jeito é dormir, sonhar com os momentos que passamos juntos, acordar e tentar sair dessa confusão toda.

Estou com um aperto no peito, vontade chorar, pois sei que não terei você comigo.

Anúncios

Sobre Cléverton Santana

Jornalista e tuiteiro de plantão. Morou praticamente toda sua vida na praia mas seu coração sempre foi da selva de pedras. Fã de séries, cinema e teatro, sempre encontra tempo para ler algum livro. É eclético musicalmente, mas não vive sem Rita Lee, Queen e Legião Urbana.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Aquele sobre sentimentos confusos

  1. Marcelo Rezende disse:

    Ah, mas nem sempre a gente tem o que consegue. Hipocrisia aquele pensamento: “querer é poder”. Mentira, a gente pode aquilo que dá e morre tentando, se precisar. Mas nem tudo será nosso. Inevitável.

    Beijão, Clé!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s