Um minuto por favor.

Era uma vez um menino que só queria mudar o mundo.
Que acreditava em super heróis e que acreditava que o seu mundo não era tão ruim como anunciava os telejornais.
Para esse menino, as pessoas grandes é que tinham que se preocupar com a queda da Bolsa de Valores, com as taxas de IOF e aquelas tantas mais que ninguém sabe o que significa na verdade.
Tinha uma vida sem preocupações.
Sua rotina era acordar, ir para a escola, assistir Castelo Rá-Tim-Bum, brincar de queimada com a galera da rua e ler aqueles super livros que sua tia de São Paulo lhe trouxe no verão passado.
As coisas foram mudando (e muito!)


Aquele garoto, conheceu pessoas que se tornaram essenciais na sua vida.

Conheceu o Ódio e o Amor.
Aquele garoto, está dando um valor diferente para cada coisas/pessoas que aparecem na sua vida.
O que será dele amanhã? O que será desse mundo amanhã?

E os meus heróis, para onde foram parar ?

 

(Amanhã tem Ensaio da “Farsa da Boa Preguiça”.)

Anúncios

Sobre Cléverton Santana

Jornalista e tuiteiro de plantão. Morou praticamente toda sua vida na praia mas seu coração sempre foi da selva de pedras. Fã de séries, cinema e teatro, sempre encontra tempo para ler algum livro. É eclético musicalmente, mas não vive sem Rita Lee, Queen e Legião Urbana.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Um minuto por favor.

  1. Dalleck disse:

    >Prefiro essa vida de criança, inocente. E quando cresce, o melhor a se fazer é tentar levar a vida como uma criança, mas responsavelmente. E tem gente que crucifica quem tenta levar a vida assim.

  2. Pingback: 05 anos de blog! | pescadordesonhos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s